24 de julho de 2014

Olho vivo....

Rio das Ostras vai realizar em breve um grande workshop com profissionais de salões de beleza para ampliar sua visão do mercado e das novas técnicas.
E daí, qual é o problema, vocês certamente já estão perguntando?
Sendo um simples workshop, tudo bem, mas quando nos lembramos da feira de cosmetologia em Rio das Ostras quando a prefeitura riostrense pagou mais de 300 mil reais ao pândego Dr. Robert Hollywood Rey para 'fazer presença vip' no convescote com dinheiro público ficamos pensando quem será o próximo agraciado com dinheiro público dos riostrenses... .
Ah, prefeitura, se for gastar esse dinheirão, pelo menos não tragam o cabelereiro da Dilma e da Martha Suplicy, aquele japonês.... . Ele está deixando a Martha quase careca e a Dilma com a cara do ditador da Coréia do Norte...

Mansões são demolidas em Búzios após onze dias de espera

G1 Região dos Lagos
As três mansões foram demolidas nesta quarta-feira (23) (Foto: Reprodução/Inter Tv)As três mansões foram demolidas na tarde desta quarta-feira (23) (Foto: Reprodução/Inter Tv)
A última das três mansões, que ameaçavam desabar, foi demolida na tarde desta quinta-feira (23), em Armação dos Búzios, Região dos Lagos do Rio de Janeiro. Foram quase duas semanas de medo e preocupação na Orla Bardot. No dia treze deste mês, a chuva desestabilizou o terreno e as três mansões, no alto do morro, começaram a deslizar junto com a encosta.
Rachaduras tomaram conta das estruturas e o risco de desabamento era constante. Parte de um muro caiu e outros dez imóveis foram interditados. Um acesso para as máquinas teve que ser construído para que a demolição fosse feita. Na terça-feira (22), engenheiros começaram a demolição dos imóveis de luxo. Em dois dias as três casas foram colocadas abaixo.
O serviço agora vai  para a terceira etapa, a de retirada do entulho, na semana que vem. A Defesa Civil ainda não tem prazo para a liberação das casas e comércio. Depois da limpeza do terreno um muro de contenção da encosta terá que ser construído, o que não tem data para o início

PM faz grande apreensão de crack e prende chefe do tráfico em Macaé

G1 Região dos Lagos
Crack e cocaína foram apreendidos na operação em Macaé (Foto: Polícia Militar)Crack e cocaína foram apreendidos na operação
(Foto: Polícia Militar)
Uma grande operação da Polícia Militar resultou, na noite desta terça-feira (22), em uma grande apreensão de crack e na prisão do homem considerado chefe do tráfico de drogas no Morro de São Jorge, em Macaé. Maicon Ferreira Santuchhi, de 22 anos, conhecido como Maiquinho, foi flagrado no bairro Aroeira.
Com ele a PM encontrou 600 pedras de crack e 21 papelotes de cocaína. Segundo o comandante do 32 BPM, tenente-coronel Ramiro Campos, a operação foi realizada após um mapeamento feito por uma aeronave do Grupamento Aéreo da PM. A aeronave ficou um dia na cidade e forneceu dados sobre esconderijo de drogas e localização de traficantes procurados. Ainda de acordo com o comandante, as informações fornecidas pela aeronave servirão como base para outras operações na cidade.
O traficante Maiquinho foi encaminhado para a delegacia da cidade, onde foi autuado para ser transferido para um presídio no Rio de Janeiro.
Helicóptero de Macaé (Foto: Andreia Freitas/Arquivo pessoal)Helicóptero usou equipamentos de imagem para mapear a cidade (Foto: Andreia Freitas/Arquivo pessoal)

Um perfil do jovem brasileiro na web

Uma pesquisa me faz pensar como deve ser difícil prender a atenção dos alunos de hoje, que nasceram sob a tutela da internet

O Dia - NELSON VASCONCELOS
Rio - A pesquisa ‘Jovem Digital Brasileiro’, que o Ibope está divulgando, me faz pensar como deve ser difícil prender a atenção dos alunos de hoje, que nasceram sob a tutela da internet. Descobriu-se que nada menos que 96% dos jovens brasileiros são internautas. Fico até surpreso com tamanha abrangência, considerando que o país é grande o suficiente para não contemplar inúmeros cantinhos sequer com escolas, e ainda menos com acesso à rede. Mas vá lá. 
Pesquisa mostra que nada menos que 96% dos jovens brasileiros são internautas
Foto:  Arte: O Dia
De acordo com a pesquisa, realizada com 1.513 internautas entre 18 e 25 anos, 90% se conectam às redes sociais diariamente, além de ver ou baixar vídeos. Do total, 91% estão no Facebook, além de parar constantemente em YouTube (48%), Instagram (15%) e Twitter (13%). Eles estão presentes, em média, em sete redes sociais. 
Assim, como entreter, na sala de aula, a garotada que é cada vez mais multimídia? A turma usa várias telinhas ao mesmo tempo, e isso está longe de deixá-los estressados. Pelo contrário, esse hábito já se torna parte do seu comportamento normal: 61% usam mais de um meio de comunicação ao mesmo tempo, sem falar que 63% estão de olho simultaneamente na TV e na internet (e suas inúmeras possibilidades). Não há qualquer graça em assistir a uma partida de futebol sem estar comentando sobre ela com inúmeros outros interlocutores. 
Outro problema que o ensino tradicional deve estar enfrentando é a irreversível tendência ao uso de aparelhos móveis . De acordo com o levantamento do Ibope, 17% dos jovens das capitais e regiões metropolitanas têm tablet. Dos que usam celular, 47% têm smartphone. Destes, 82% navegam na web pelo smartphone, enquanto 28% ficam com seus tablets. E pelo menos quatro programas estão presentes em 80% desses aparelhos: Facebook (claro), e-mail, WhatsApp e YouTube. Haja informação. 
TRABALHE MENOS
Tecnologia serve para facilitar a vida da Humanidade. Por isso, parece incoerente que a gente esteja trabalhando cada vez mais, com tantos instrumentos para incrementar nossa produtividade. E não é à toa que cada vez mais executivos da indústria de tecnologia estão defendendo menores jornadas de trabalho.
Semana pasada citei aqui o Larry Page, da Google, puxando esse coro. Agora é o bilionário mexicano Carlos Slim, que controla inúmeras empresas mundo afora, incluindo a Claro, que diz que a semana com apenas três dias úteis seria positiva para todos, porque o trabalhador teria mais qualidade de vida e, assim, seria mais produtivo. 

Essa mudança implicaria, por outro lado, uma vida profissional mais longa. O sujeito trabalharia até seus setenta e tantos anos. O que, vamos combinar, pode não ser tão ruim para a saúde — nem para o sistema previdenciário. Que, pelo jeito, deve ser a grande razão dessa súbita preocupação com o bem-estar de todos.

Intérprete de hit de novela, Lia Sophia promete renovar votos com esposa

Lia Sophia Foto: Divulgação
A paraense Lia Sophia nunca quis ser um bastião do movimento em favor dos direitos dos gays. Às vésperas de estrear seu novo show no Rio — ela tocará na Miranda, na terça-feira —, a cantora se sente à vontade para falar pela primeira vez, abertamente, sobre o casamento com a sua produtora, Thaísa.
Há oito anos juntas, elas já pensam em fazer uma nova cerimônia para celebrar o amor. “Vou renovar os votos, damos importância à simbologia das coisas. Quando nos casamos, fizemos uma festa em casa, só para a família”, recorda-se ela, que ganhou projeção ao entrar na trilha sonora do novela “Amor eterno amor”, com o hit “Ai, menina” — atualmente, ela tem cinco músicas em “A grande família”.
Thaísa e Lia juntas
Thaísa e Lia juntas Foto: Divulgação
A aceitação dos pais foi um processo. “Demora até que percebam que você continua sendo a filha de antes, batalhadora, amorosa”, avalia ela, que conheceu a atual mulher na universidade — ela estudou Psicologia. “Ela era irmã de uma amiga da faculdade”.
Um filho também está nos planos do casal, mas mais adiante. “Sempre quis ser mãe”, entrega a cantora.


Leia mais: http://extra.globo.com/famosos/interprete-de-hit-de-novela-lia-sophia-promete-renovar-votos-com-esposa-sonha-com-filho-sempre-quis-ser-mae-13358428.html#ixzz38NxiSlrh

Secretaria estadual de Planejamento tem um novo titular

Francisco Caldas é o novo secretário estadual de Planejamento. Ele substitui Sérgio Ruy Barbosa, que assumiu a Fazenda. Caldas tem 54 anos, ocupava o cargo de subsecretário geral de Planejamento e participou da equipe de transição do atual governo, em 2006.

Leia mais: http://extra.globo.com/emprego/servidor-publico/secretaria-estadual-de-planejamento-tem-um-novo-titular-13357649.html#ixzz38NxNceSL

Após Oi ser multada por monitorar navegação, saiba como proteger seus dados na internet

Usuários devem ter cuidado redobrado com dados fornecidos pela internetA Oi foi multada, nesta quarta-feira, pelo Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) da Secretaria Nacional do Consumidor sob acusação de invasão de privacidade. A empresa teria monitorado a navegação dos clientes na internet e repassado dados a anunciantes, agências de publicidade e portais da web para ofertar publicidade e conteúdo personalizados a esses usuários. Em nota, a empresa negou as acusações e deu a entender que vai recorrer.
O serviço era oferecido como forma de melhorar a navegação, mas não deixava claro que o cliente seria monitorado e teria seu perfil vendido.
A advogada do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), Veridiana Alimonti, lembra que essa penalidade é importante para debater o tema sobre a privacidade na internet:
— O Brasil precisa ter uma legislação voltada para a proteção de dados pessoais na internet. O consumidor deve estar atento e pensar que sua atividade na internet é capaz de fornecer um perfil econômico, social e político, ainda que não haja acesso ao conteúdo de e-mails.
Ela destaca que o Marco Civil da internet, em vigor há um mês, proíbe as operadoras que fazem a conexão com a internet de registrarem os acessos dos usuários. As regras são diferentes para aplicações como e-mail e redes sociais.
— O Facebook e o Gmail têm acesso aos dados de navegação enquanto a pessoa está usando as plataformas. Por isso, aparecem anúncios personalizados e outras sugestões. A diferença é que o provedor de conexão poderia saber de tudo que o usuário faz na internet, já que tudo é feito por essa conexão — explica Veridiana.
A decisão: A multa é de R$ 3,5 milhões. O serviço de banda larga Velox teria usado o programa Navegador, desenvolvido pela empresa britânica Phorm, para monitorar seus usuários.
A defesa da Oi: A Oi disse que não utiliza a ferramenta da Phorm desde março de 2013, e que o uso da mesma foi restrito a um grupo de clientes convidados para testar o produto, submetido à uma empresa de auditoria e à análise das autoridades reguladoras. Disse também que, apesar de não ter tido ainda acesso à fundamentação da decisão, considera que tem fortes elementos para recorrer. A empresa tem dez dias para recorrer.
Veja a nota completa divulgada pela Oi:
“A Oi nega peremptoriamente que tenha havido violação de privacidade de seus clientes. A companhia informa que não usa a ferramenta da Phorm, questionada no processo citado e esclarece que, desde março de 2013, foram encerradas todas as iniciativas operacionais desta ferramenta junto à Oi. A companhia acrescenta que a ferramenta teve seu uso restrito a um grupo de clientes convidados para testar o produto, que foi submetido a empresa de auditoria e análise das autoridades reguladoras. A Oi nega peremptoriamente que tenha havido violação de privacidade de seus clientes neste projeto de 2010. A companhia acrescenta ainda que a Phorm encerrou suas atividades no Brasil, conforme publicado em seu relatório anual de 2013. A Oi reafirma sua convicção de que não houve qualquer infração ao direito do consumidor e, apesar de não ter tido ainda acesso à fundamentação da decisão, considera que tem fortes elementos para recorrer. A Oi reforça que não utiliza a ferramenta com nenhum cliente da companhia atualmente”.


Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/economia/apos-oi-ser-multada-por-monitorar-navegacao-saiba-como-proteger-seus-dados-na-internet-13356746.html#ixzz38Nx8MdXa

Estado continua perdendo dinheiro em pensões supostamente irregulares

O Estado do Rio de Janeiro apesar de ter realizado algumas ações tímidas para cancelar pensões supostamente irregulares no Rioprevidencia continua vendo sair pelo ralo centenas de milhares de reais.
Estas pensões seriam de mulheres que declaram serem e estarem solteiras , mas que na verdade vivem ou viveram em uniões estáveis informais, das quais até filhos têm.
E o meu, o seu , o nosso dinheirinho.... .

100 mil aposentadorias do INSS terão valor reduzido

O Dia - MAX LEONE
Rio - Mais de 100 mil aposentados por tempo de contribuição e também por idade vão ter os valores de seus benefícios do INSS revisados em todo o país. A determinação é do Tribunal de Contas da União (TCU), após ter feito auditoria nos bancos de dados do instituto e constatado irregularidades. Segundo relatório do tribunal, outros mais de 415 mil benefícios apresentaram falta de cadastros, como campos para preenchimento de nome em branco, data de nascimento, nomes de titulares e das mães sem sobrenomes ou abreviados. O INSS tem 180 dias para fazer os acertos. 
Segundo relatório da auditoria do TCU, boa parte das ocorrências é resultado de “erro do servidor durante cadastro para concessão do benefício”
Foto:  ABr
Os técnicos do TCU se debruçaram sobre um total de 12.532.960 de benefícios. Sendo 8.286.009 aposentadorias por idade e 4.246.951 por tempo de contribuição . O montante representa R$11,9 bilhões na folha do INSS.
De acordo com o relatório do TCU, foram encontrados 2.305 benefícios com suspeitas de acumulação indevida. Para a equipe da auditoria, as principais causas para a concessão irregular são: falha no sistema, erro do servidor que liberou o benefício, concessão por recurso, divergências de dados cadastrais do segurado e fraude. Mas a concessão ou revisão por meio de decisão judicial é considerada a que mais propicia erros, tendo em vista a baixa segurança do sistema quando benefícios são deferidos ou reativados a pedido Justiça. 
Conforme o relatório, boa parte das ocorrências foi provocada por “erro do servidor durante o cadastro para a concessão do benefício, a apresentação de documentação inidônea e a falta de condição dos servidores de atestar a veracidade da documentação”. No texto, no entanto, o tribunal ressalta que as falhas cadastrais não constituem, de imediato, “danos aos cofres previdenciários, mas que elas podem, no futuro, provocar o pagamento de benefícios indevidos, além de dificultar as ações de controle”. 
A recomendação do ministro-relator da auditoria, Benjamim Zymler, é para que o INSS adote as devidas medidas corretivas e preventivas. 
Já para os casos em que houve ocorrências com o mesmo Número de Inscrição do Trabalhador (NIT) ou CPF por pessoas diferentes, o ministro considerou que “podem gerar prejuízos decorrentes de pagamentos indevidos”. Pelo levantamento, foram encontradas 732 aposentadorias com possível acumulação de mesmo NIT e 11.600 com mesmo CPF do titular. 
O TCU encontrou também 45.923 aposentadorias que não têm relação com o banco de dados do CPF. O tribunal verificou ainda existência de 11.628 benefícios de aposentadoria por idade em que os segurados, na data de concessão, não observavam os critérios para recebimento dos benefícios: 60 anos de idade para mulheres e 65 anos para homens.
Instituto alega que trabalha para melhorar cadastro
Questionado pelo DIA, o INSS alegou que tem “mantido ações constantes de qualificação da base cadastral, tais como ocorrido no Censo Previdenciário de 2005, além da evolução de seus sistemas, de forma a minimizar a entrada de dados inconsistentes ou ausentes na concessão, revisão ou atualização de benefícios”. Em nota, o instituto salientou que promove, por meio dos bancos, a comprovação de vida dos beneficiários para evitar pagamentos indevidos.
Para o INSS, “nem todo indício de irregularidade acarreta na suspensão ou cessação do benefício, mas sendo comprovada a irregularidade adotam-se as providencias necessárias para a cobrança de valores recebidos indevidamente, após devido processo legal”.
O órgão informou que trabalha para o aprimoramento do cadastro dos segurados. “O próprio Tribunal de Contas da União relata que a integridade e confiabilidade das informações no banco de dados de benefícios deste Instituto melhoraram significativamente nos últimos dez anos”, diz um trecho da nota.
O instituto afirma que a evolução na qualidade da informações pode ser atribuída, entre outros pontos, à modernização da fiscalização da Auditoria-Geral do INSS, e de controle do TCU e CGU.

23 de julho de 2014

Prefeitura de Rio das Ostras anda fora da lei e a Justiça vai lá e...pimba!


Conheça a decisão judicial sobre o supersalário do Chefe de Gabinete do Prefeito de Rio das Ostras:  
Diante do que certificado à fl. 33 e a fim de assegurar a total neutralidade e imparcialidade do Juízo na apreciação da causa, determino que o feito tenha sua tramitação em gabinete, nomeando para tanto a Assistente de Gabinete Luciana Alves Werneck, a qual não laborou ou possui qualquer relação com os réus. No que se refere ao pedido de reiteração da liminar, verifica-se que a parte autora logrou êxito em comprovar, mediante cognição sumária, que o réu auferia vencimentos por parte do órgão cedente e da municipalidade, havendo grave risco ao erário, pelo que DEFIRO A ANTECIPAÇÃO DOS EFEITOS DA TUTELA para determinar que o Município réu e o primeiro réu se abstenham de realizar novos pagamentos a título do exercício do cargo de chefe de gabinete do prefeito ou qualquer outra remuneração do Município ao terceiro réu, haja vista ter optado pelo pagamento de seus vencimentos pelo órgão de origem, conforme comunicado feito no Diário Oficial do Município de Rio das Ostras, sob pena de multa equivalente ao dobro do valor pago a cada descumprimento e imputada ao Chefe do Executivo e ao servidor. Oficie-se à CGJ com cópias da integralidade do feito. Cite-se. Ciência ao MP.

Polícia prende suspeito de tráfico de drogas em Macaé

Após denúncia anônima, policiais do 32° BPM (Macaé) deteve um homem e apreendeu um menor no bairro Lagomar. Com eles foi encontrado 57 sacolés de cocaína, quatro buchas de maconha e R$ 30,00 em espécie. A ocorrência foi encaminhada para a 123ª DP (Macaé).

Após 10 dias de espera, primeira mansão em Búzios é demolida

Heitor MoreiraDo G1 Região dos Lagos
A demolição das casas em Búzios começou nesta terça-feira (Foto: Reprodução / Inter TV)A demolição da primeira casa condenada em Búzios começou nesta terça-feira (Foto: Reprodução / Inter TV)
Foi demolida na tarde desta terça-feira (22), a primeira mansão que poderia desabar em Armação dos Búzios, Região dos Lagos do Rio de Janeiro. No domingo (13), três casas com vista privilegiada da Praia da Armação e avaliadas em R$ 3 milhões, cada uma, apresentaram rachaduras nas paredes e no chão. O terreno se deslocou em mais de um metro de comprimento, segundo a Defesa Civil da cidade. Dez estabelecimentos que funcionavam na parte que fica abaixo das residências foram interdidatos por causa do perigo de desabamento. As mansões ficam no Condomínio Vale das Emas.
De acordo com a Defesa Civil, as outras duas casas condenadas devem ser demolidas nesta quarta-feira (23). O terreno deve ficar completamente limpo em sete dias, segundo informou a prefeitura.
Na última sexta-feira (18) a queda de um muro que fazia parte da construção, aumentou a possibilidade das residências desabarem. A parede caiu no momento em que técnicos da Defesa Civil, do Inea (Instituto Estadual do Ambiente) e do Crea-RJ (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura) avaliavam as condições do terreno.
A demolição das três casas estava programada para a quinta-feira (17), mas teve que ser adiada para que o terreno recebesse um melhor preparo. A preocupação era que o local estivesse fragilizado, já que máquinas pesadas foram utilizadas para a realização do serviço. O trabalho de demolição começou na manhã do último sábado (19). Uma loja foi demolida para que as máquinas tivessem acesso ao terreno das residências. A previsão é que a demolição das outras duas casas comece as 8h de quarta-feira (23).

Polícia detém duas pessoas por porte ilegal de arma em Macaé

G1 Região dos Lagos
Arma encontrada com menor em Macaé (Foto: PM/Divulgação)Revólver tinha seis munições intactas
​(Foto: PM/Divulgação)
Duas pessoas foram detidas por porte ilegal de arma no Centro de Macaé durante a noite da última segunda-feira (22). Segundo informações da Polícia Militar, os dois, entre eles um menor de 16 anos, foram abordados depois que uma denúncia anônima informou que suspeitos estavam tentando roubar o comércio e moradores da região central da cidade. 
A dupla foi encontrada em um ponto de ônibus e o menor tentou fugir da abordagem, mas foi perseguido e detido. Com ele foi encontrado um revólver calibre 38mm, com seis munições intactas. Os dois foram encaminhados para a 123ª DP de Macaé onde foram apresentados e permaneceram detidos. 

'171'...?????

Nenhuma irregularidade à vista na lista de bens que o deputado federal Anthony Garotinho (PR) postou no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Mas, no país da piada pronta, algum assessor tinha que ter percebido que poderia dar munição aos inimigos do candidato a governador do Rio declarar um plano de previdência privada descrito como "BRASILPREV VGBL CNPJ: 27.665.207/0001-31" no valor de R$ 171.000.

Cesar Maia comemora segunda posição em pesquisa

O vereador carioca Cesar Maia está exultante com o resultado do Instituto Datafolha, que o colocou em segundo lugar na corrida pelo Senado. "(A pesquisa foi) muito boa. São 15 dias do lançamento. E vencendo entre as mulheres", afirmou.

Feirão da Construção Civil abre 3 mil vagas de emprego

Evento ocorre no Campo de Santana, no sábado, e terá ainda 10 mil chances de cursos

O Dia - HENRIQUE MORAES
Rio - O setor da construção civil no Rio oferece mais de três mil postos de trabalho durante o 4º Mega Feirão da Indústria da Construção que ocorre neste sábado, no Campo de Santana, no Centro. O evento está marcado das 8h às 16h e contará com a participação de pelo menos 20 empresas. Também haverá oferta de cerca de 10 mil vagas para cursos de qualificação em instituições de ensino, entidades representativas e o poder público.
Em 2013, o evento registrou 42 mil atendimentos nos estandes. Expectativa é ampliar este número
Foto:  Divulgação
Promovido pelo Serviço Social da Indústria da Construção (Seconci-Rio) e o Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Rio de Janeiro (Sinduscon-Rio), o feirão deste ano terá uma novidade que é o Espaço Estágio. No local, estudantes de Engenharia Civil e Arquitetura vão poder se inscrever para tentar uma vaga nas empresas que participam do evento e, assim, ingressar no mercado.
“É uma oportunidade tanto para quem busca um emprego quanto para os que já estão no mercado e querem ampliar sua qualificação ou se reciclar. O Espaço Estágio é também uma excelente chance para o jovem que está próximo de se formar e quer ter uma experiência na área. Afinal, o estágio é a melhor forma de ingressar no mercado de trabalho para quem está terminando uma graduação”, explicou Ana Cláudia Gomes, coordenadora de Relações Institucionais do Seconci-Rio.
Ana Cláudia destaca ainda as oportunidades de empregos e cursos para as pessoas com deficiência. “Há grandes empresas do setor, que estarão no evento, precisando contratar pessoas deste segmento para preencherem suas cotas obrigatórias”, informou.
A coordenadora de Relações Institucionais do Seconci-Rio lembra que no ano passado o evento recebeu mais de 17 mil pessoas, com cerca de 42 mil atendimentos em todos os estandes.
“Até o momento, já estão definidas duas mil vagas de emprego. Entretanto, até sexta-feira a quantidade de empresas participantes deve aumentar e este número certamente vai ultrapassar três mil postos de trabalho, como ocorreu ano passado”, estimou Ana Cláudia.
CURSOS DE QUALIFICAÇÃO
O 4º Feirão terá apoio do Sistema Firjan, do Senai Rio e da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). O Senai Rio estará com inscrições abertas para 349 vagas gratuitas em cursos de qualificação. Durante o evento, a instituição vai oferecer ainda oficinas gratuitas de hidráulica, elétrica, revestimento cerâmico e pintura de paredes. Palestras de orientação profissional também serão ministradas por especialistas do Senai. O Instituto Euvaldo Lodi (IEL-Rio) também participará cadastrando para seu banco de estagiários.
Os cursos do Senai Rio com inscrições abertas na feira serão para carpinteiro de obras, pedreiro de revestimento em argamassa, armador de ferragem, aplicador de revestimentos e cerâmicos, pedreiro de alvenaria estrutural, almoxarife de obras e pintor de obras.
As aulas começam no segundo semestre nas unidades de Honório Gurgel, Jacarepaguá e Tijuca. Para participar, é necessário ter o 5º ano do Ensino Fundamental completo e mais de 18 anos de idade. Os documentos para a inscrição são identidade, CPF, comprovante de residência e de escolaridade, além de autodeclaração de baixa-renda.
Setor tem cenário de recuperação 
O setor da Construção Civil no Estado do Rio de Janeiro acumula perdas expressivas na geração de empregos há três anos. A queda foi de 81,75% entre 2011 e 2014. No período de junho de 2011 a junho de 2012 o setor contratou 41.611 contra apenas 7.592 no biênio 2013/2014. Os dados são do Sinduscon-Rio.
Em junho deste ano, houve perda de 1.421 postos de trabalho, contra a abertura de 154 postos em maio. No primeiro semestre foram 7.213 novos empregos contra 13.023 no mesmo período em 2013 e 30.220 em 2012.
Para Antônio Carlos Mendes Gomes, diretor-executivo do Sinduscon-Rio, o setor está voltando a contratar.Segundo ele, o fim de grandes obras de infraestrutura provocou o alto número de demissões. “A retração de investimentos no setor também resultou em redução de abertura de novos empregos. O término de obras de mobilidade e de infraestrutura para a Copa do Mundo contribuiu para o percentual elevado de dispensas no setor. No entanto, há um cenário de recuperação com as obras para os Jogos Olímpicos que estão começando. O setor pode crescer ainda mais após as eleições quando ficar definido qual o presidente que estará à frente do país nos próximos quatro anos", explicou o diretor-executivo.
Gomes ressalta ainda que as três mil vagas de emprego oferecidas pelo 4º feirão são um bom sinal de recuperação do setor. “É a construção civil já abrindo novos postos de trabalho e oferecendo cursos de aprimoramento e qualificação de mão de obra”, acrescentou o dirigente.
Ana Cláudia Gomes do Seconci-Rio diz que o mercado imobiliário também está aquecendo a indústria da construção. “O déficit habitacional no Estado do Rio ainda é grande e há muitos empreendimentos imobiliários em vista. Além de programas de governo, com o ‘Minha Casa Minha Vida’”, analisou a coordenadora. “A Construção Civil ainda é um dos segmentos que mais contrata. Dados mostram que a cada cinco vagas uma é deste setor”, destacou. 

Em vídeo, Silas Malafaia prega voto contra o PT

Em gravação de 14 minutos, pastor diz que o governo o persegue e profetiza derrota de Dilma Rousseff

O Dia - NONATO VIEGAS
Rio - Revoltado por ter sido notificado pela Receita Federal a dar informações sobre a igreja e a associação das quais é presidente, o pastor Silas Malafaia abriu guerra contra o PT e publicou na internet vídeo no qual se diz vítima de “perseguição política e religiosa do governo”. No vídeo de 14 minutos, Malafaia profetizou a saída do PT do poder, com a derrota da presidenta Dilma Rousseff (PT).
O pastor disse que não tem nada a esconder e chamou o governo para briga. “Pode vir”, disse. “Eles não sabem com quem estão lidando. Mexeram com a pessoa errada”, avisou o pastor, que tem na sua igreja cerca de 40 mil fiéis, além de influência sobre 10 mil pastores de diferentes denominações no Conselho de Pastores do Brasil. 
“Eu transfiro esta luta para o Deus que tem o nome de Jeová e que é altíssimo sobre toda a Terra. E eu declaro, na autoridade do nome de Jesus, sejam derrotados. Mil vezes não”, vaticinou na gravação, pedindo ainda que outros pastores, evangélicos e não cristãos “deem uma resposta a eles nas urnas”. Afirmou ainda que querem transformar o Brasil “numa Venezuela ou Cuba”. “A cúpula deste partido (PT) está na cadeia, na maior roubalheira da história da nação”, bradou. 
Malafaia foi notificado pela Receita Federal a dar informações sobre a Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo
Foto:  Alexandre Brum / Agência O Dia
Malafaia afirmou ao DIA que as intimações da Receita começaram a chegar 35 dias após ele ter colocado 70 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios, pedindo cadeia “aos mensaleiros”. Na sequência do protesto, que ocorreu em 5 de junho de 2013, chegou a primeira notificação contra Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo.
No dia seguinte, foi aberta mais uma investigação, esta contra a Associação Vitória em Cristo, que administra as doações que mantêm seus programas na TV. Segundo o pastor, 175 mil pessoas contribuem mensalmente. 
Depois, em agosto do ano passado, sem que a primeira e a segunda investigações fossem concluídas, abriram-se outras duas apurações contras as instituições.Em julho de 2014, uma das investigações foi concluída e, segundo Malafaia, não se constatou ilegalidade. A Receita Federal e a Presidência da República foram procuradas pela reportagem, mas não quiseram comentar as declarações do pastor.
Pastor vota em Everaldo 
Embora chame para briga o governo federal e o PT nacional, Silas Malafaia afirma que quase declarou voto no senador Lindberg Farias ao governo do estado. “Mas não pude. É uma questão de coerência. Como apoiaria o PT no Rio, chamando para a porrada o nacional? Falei com ele que não dava”, afirmou. 
Para os seus mais de 40 mil fiéis, além dos 10 mil pastores, Malafaia orienta votar no Pastor Everaldo (PSC) que, segundo ele, é a pessoa mais indicada para fazer do Brasil “um país decente”. No Rio, entretanto, nenhum dos candidatos evangélicos merece seu voto. “Não sendo o Lindberg, não é ninguém”, disse. 
Lembrado de que já recebeu o governador Luiz Fernando Pezão na sede da sua igreja da Penha, o pastor argumentou que ele é um amigo. “Mas não tenho candidato.” Silas Malafaia é figura controvertida nas eleições. Em 2002, esteve ao lado de Lula, rompendo com o petista em 2006. Nas eleições de 2010, chegou a pedir votos para Marina Silva, mas depois declarou voto em José Serra.